Auto-conhecimento.

Mas há momentos, nunca o pensaste?, há momentos em que tudo se nos abisma até à fadiga. O desânimo sem fundo. A vertigem para lá de qualquer significação. Nós somos o artifício de nós. Mas é aí que construímos a legitimação de se existir. Somos duplos do que somos e por baixo da camada que nos torna plausíveis há uma outra realidade que revela o plausível em ficção. O que somos não é. O que somos é o que resta depois de tudo se dissipar. O falso de nós é que é verdadeiro. Ou ao contrário, não sei.

Vergílio Ferreira, in Pensar

Advertisements

2 thoughts on “Auto-conhecimento.

  1. Está melhor que o “normal” de vergílio ferreira (confesso, não sou grande fã xD).

    Mas eu estou doente e n consigo pensar :/
    ” O que somos não é. O que somos é o que resta depois de tudo se dissipar. O falso de nós é que é verdadeiro. Ou ao contrário, não sei.”

    Talvez por estar assim, este pedaço foi o que consegui “apanhar” melhor =| gostei desse :)

    (L)

    eu sucko. =|

    Like

  2. Nós somos o artifício de nós.

    Gosto desta frase.

    Na verdade, nem estava à espera que fosses comentar Vergílio Ferreira, fiquei surpresa, e contente. :)

    (L)

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s