Eco

p1020528

E assim nós morremos a nossa vida, tão atentos separadamente a morrê-la que não reparámos que éramos um só, que cada um de nós era uma ilusão do outro, e cada um, dentro de si, o mero eco do seu próprio ser…

Bernardo Soares, in Livro do Desassossego

Advertisements

5 thoughts on “Eco

  1. aww.. e não é que ficou bem mais bonito que lá do outro lado?
    e acabáste encontrando as palavras certas..
    a estrelinha caía bem era aqui!! :) *

    Like

  2. então são os dois juntos, vá.. por isso que ficou tão bem, que sem as palavras certas (e eu não encontrei nenhuma =p) já não é a mesma coisa xD
    e eu ainda te ‘roubo’ é as palavras :p
    vê masé se pensas na hipótese de dar continuidade à parceria ali do outro lado (:

    Like

  3. temos acordo, pese embora a amostra (ainda) pequena sem resultados conclusivos (dois posts, um bom e um menos bom).
    acho que tem potencial :p

    (isto de falar assim é giro, no mínimo. pronto.)

    *

    Like

  4. claro q tem potencial, principalmente com os teus textos xD

    (e eu estava outra vez a falar sózinha ali ao lado, mas parece que alguém me ouviu :p)

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s